Quando eu tiver partido

OSHO Heart Festival 2015
24/08/2015
Cadeira Vazia
06/10/2015
Mostrar tudo

Quando eu tiver partido

Lembrem-se: quando eu tiver partido, vocês não irão perder nada. Talvez possam ganhar algo de que presentemente não têm consciência alguma.

Neste momento, eu estou disponível para vós apenas neste corpo, prisioneiro de uma determinada forma e figura.

Para onde poderei eu ir quando partir? Estarei aqui nos ventos, nos oceanos. E, se me tiverem amado, se tiverem confiado em mim, sentir-me-ão de mil e uma maneiras. Nos vossos momentos de silêncio, sentirão subitamente a minha presença.

Quando eu já não estiver no corpo, a minha consciência será universal. Agora vocês têm de vir até mim; depois não precisarão de me procurar. Onde quer que estejam… a vossa sede, o vosso amor… e encontrar-me-ão no vosso próprio coração, no próprio bater do vosso coração.

Deixe uma resposta